quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

É preciso recuperar!


Ontem quando fiz o saco, contava ir nadar à piscina de Ferreira do Zêzere, após o trabalho. A infra-estrutura foi ontem gravemente atingida por um Tornado. O mesmo sucedeu com habitações e empresas de muitos Amigos e familiares na povoação de Venda Nova, concelho de Tomar.

É hora de auxiliar na recuperação do que ficou atingido.









12 comentários:

Carlos Lopes disse...

infelizmente estascoisas , começam aparecer mais vezes... a culpa do homem. Agora é saber recuperar tanto mental como material... Ainda bem que não passou de bens materiais sem vitimas.. bom resto de semana

António Almeida disse...

Olá Luís
expresso aqui neste espaço onde tantas vezes deixei palavras de parabéns pelos teus feitos atléticos e não só a minha solidariedade em particular com a família Mota e familiares.
Forte abraço.

Rui Pena disse...

Boas Mota,

Também me solidarizo com os que foram afectados.

Abraço,

Rui

joaquim adelino disse...

Espero que os pais da Susan já tenham recuperado do susto e que os prejuizos possam ser o menor possível.
Nesta hora é para dar as mãos e a solidariedade é muito importante.
Abraço.

rui pedro lima disse...

boas Luis!espero que a familia e amigos se encontrem bem de saude apesar do susto. Nesta hora é para dar as mãos e a solidariedade é muito importante.
Abraço. rui lima

José Xavier disse...

Olá Luis;

Lamentamos que os teus familiares e amigos tenham sido atingidos por essa catástrofe natural. Nesta horas serão necessários muitos apoios físicos e mentais para ultrapassar esses problemas.

Enviamos a nossa solideriedade e os nossos incentivos de muita força, para este momento complicado.

A natureza é mesmo assim, tem forças imagináveis!

Um abraço amigo dos Xavier's

MPaiva disse...

Luis,

Um grande abraço solidário nesta hora que, imagino, seja difícil face a tantos prejuizos e incómodos que uma situação dessas vos causa. Ao que sei felizmente não houve danos físicos nas pessoas da tua família, o que é positivo.

abraço
MPaiva

Fernando Andrade. disse...

A única forma que temos de contrariar a força da natureza é dar as mãos.
Grande abraço.
FA

ventura pires disse...

Olá luis como vão as coisas ai por tomar? aparentemente mal pelo menos para as pessoas a quem o azar bateu á porta, teêm que ter força e recuperar a vida tem altos e baixos, temos que nos aguentar com o que nos aparece. cumprimentos.

Paula Pinto disse...

Luís e Susan

Desde que soube que Venda Mova tinha sido bastante atingida que gostaria de ter obtido notícias vossas. Não me lembrei logo na terça-feira, mas no dia seguinte, quando relacionei Tomar convosco (e sobretudo Venda Nova) que gostaria de ter sabido alguma coisa. Infelizmente, não tenho o vosso nº de telefone. Não o gravei e fiquei sem forma de o saber. Queria mandar uma mensagem em privado; saber como estão. gostaria de oferecer a minha ajuda, a solidariedade. Sei que, muito trabalho deve ter sido já feito. Também sei que a minha força é coisa pouca, mas para o que ainda seja preciso (imagino que se arraste durante muito tempo a reconstrução e recuperação de espaços e bens), contem comigo.
Um abraço para toda a família Mota.

luis mota disse...

Olá Amigos!
Aproveito para agradecer as mensagens de solidariedade relativamente à situação vivida na região onde vivo.
Não houve danos físicos e toda a população se encontra milagrosamente bem.
A maioria das casas já estão “telhadas” e apresentam condições de habitabilidade.
Saliento o excelente trabalho da EDP e da Telecom, que em condições climatéricas adversas (dia e noite) restabeleceram os serviços com rapidez.
Aos poucos a situação está a voltar à normalidade. Esperamos que as seguradoras e as promessas de apoio ajudem na recuperação.

RUNNING UP disse...

Um abraço bem forte, nesta altura difícil, do Paulo e da Lena e tudo esteja o mais rápido possível recuperado.