sexta-feira, 12 de maio de 2017

V Trail Castelo de Abrantes

Realizou-se no passado domingo, dia 7 de maio, a 5ª edição do Trail Castelo de Abrantes. Organizado pelo Clube de Orientação e Aventura (COA), com Carla Ribeiro ( na foto em baixo) como diretora da prova, em parceria com o Município de Abrantes.
Carla Ribeiro e Luiz Mota
Provas para todos!
O evento teve um Trail Longo (37 Km), integrado na Lacatoni Taça de Portugal de Trail, um Trail Curto (20 Km), uma Caminhada (8/10 Km) e um Trail Kid´s (500m; 1Km; 2km).

Luiz Mota, da casa do Benfica em Abrantes volta a triunfar
Dos 56 inscritos do TL, terminaram 49.  Luiz Mota, da Casa do Benfica de Abrantes, cruzou a meta em 1º lugar com o tempo de 3h12m32s, vitória que repete pela terceira vez consecutiva. Na segunda posição ficou o atleta da UDR Zona Alta, Bruno Pereira com 3:13:40, e em 3º lugar o atleta Pedro Ribeiro, do Caracol Trail Team, com o tempo de 3:21:01.


No sector feminino, destacam-se as atletas: Paula Branco, União FCI de Tomar, com 4:42:55, 2º lugar a atleta Fernanda França, Clube OGMA, 5:28:33e no 3º lugar a atleta Isabel Marques, com 5:38:36.
Trail Curto
No Trail Curto, Octávio Vicente cruzou a meta em 1º lugar com o tempo de 1:28:08, seguido pelo atleta António Almeida, Casa do Benfica de Abrantes, 1:28:14 e em 3º lugar Fernando Rosa do Ansibikers com 1:34:08.
No sector feminino, em 1º lugar a atleta Salete Tavares, Praticante/CAB, cruzou a meta com 1:51:00, em 2º lugar a atleta São Castanheira da Onda Trilhos, com 1:58:22 e em 3º lugar a atleta Joana Alves, do Caracol Trail Team, 2:04:07.

Luiz Mota vence V Trail Nabantino

No passado dia 01 de maio, realizou-se em Tomar a V edição do Trail Nabantino, uma organização da Secção de Atletismo do União FCI de Tomar que contou com a colaboração da Câmara Municipal de Tomar.
Luiz Mota, vence em casa!
No trail, o grande vencedor foi o atleta tomarense Luiz Mota, que representa a Casa do Benfica em Abrantes, tendo sido o único atleta a baixar das 3 horas, num duro percurso com cerca de 37 km, terminado com o tempo de 2h57m39. Na segunda posição terminou o unionista João Plácido que finalizou com o tempo de 3h01m48, para fechar o pódio da geral chegou Bruno Pereira da UD Zona Alta de Torres Novas registando no final o tempo de 3h07m11.

 Na competição feminina a vitória foi para Paula Branco do União FCI de Tomar, terminando com o tempo de 4h17m58 e na 2ª posição ficou a sua colega de equipa Ana Grácio (5h03m22) que se estreou nesta distancia. No pódio ficou ainda Raquel Pedro da Associação Jorge Pina registando no final o tempo de 5h06m16.
Coletivamente venceu o União FCI de Tomar com 27 pontos seguida da equipa do Tomar Runners com 83 pontos.
 No Trail Curto, com cerca de 17 km, Marco Francisco do União FCI de Tomar foi o vencedor do mini trail, cortando a meta com o tempo de 1h08m43, com uma grande vantagem sobre o 2º classificado Licínio Silva (Grupo Alegre Unido da Bajouca) que finalizou com 1h17m31 e na 3ª posição ficou o individual José Carlos Mestre com 1h18m41. Em femininos venceu Carla Barbosa (Os Matrecos) com o registo de 1h39m11, seguida de Tânia Azevedo Clube de Atletismo de Ferreira do Zêzere 01h56m05 e na 3ª posição ficou a individual Magda Caldeira (01h56m21).

IV Meia Maratona da Golegã

Realizou-se no passado domingo, 30 de Abril, a 4ª Meia Maratona da Golegã, uma prova organizada pela Câmara Municipal e Juntas de Freguesia com o apoio técnico do Mundo da Corrida.
Num dia com condições climatéricas bastante adversas, com bastante vento assim como os bastantes quilómetros de empedrado, dificultou o desempenho dos atletas. Contudo, o percurso plano foi um factor bastante favorável.

A prova rainha do evento, Meia maratona, (21,095km) teve o início junto do Largo da Imaculada Conceição (Igreja Matriz) e chegada no mesmo local, passou pelas Freguesias de Azinhaga e Pombalinho, contou com a participação de cerca de 195 atletas.

Na prova rainha, o atleta Hugo Augusto do Belém Runners venceu com o tempo de 1h 16m 02s. Em femininos a atleta Sílvia Jorge do N S Torres Novas venceu com tempo de 1h 38m 01s.

 Luiz Mota, em representação da CBA foi o 7º da geral, 2º M45 com o registo de 1:18:00h


Grande Prémio do 25 de abril - Abrantes

O Município de Abrantes e União de Freguesias de Abrantes e Alferrarede realizaram no passado dia 25 de abril de 2017, pelas 10 horas, o Grande Prémio 25 de Abril, prova integrada nas Comemorações do Centenário de Elevação de Abrantes a Cidade.


Provas para todos. Na pista correram os mais jovens, já a prova principal, com um percurso com 10 km de distância, teve a partida na Alameda Carlos Lopes e meta a na Cidade Desportiva, mas propriamente no Estádio Municipal.

Individualmente, José Gaspar foi o grande vencedor, seguido de Carlos Silva e Filipe Rosa.

Luiz Mota, do CBA foi o 19º da geral, 2º M45, com o registo de 37:56 aos 10 Km.


5º Cross Noturno Batalha


Realizou-se no passado dia 22 de Abril o Cross Noturno da Batalha. 15 km electrizantes, por trilhos espetaculares, com uma organização de qualidade do AC Batalha.

Prova bastante rápida que teve como vencedor Jorge Aires. Depois de uma semana lesionado, Luiz Mota com1:07h foi o  6º classificado da geral, 1 Veterano. 

29º Grande Prémio da Páscoa/Constância

 A festa da corrida foi em Constância, no passado dia 14 de abril. A “Vila Poema” engalanou-se para receber quem a visita. A corrida completa um vasto programa das festas em honra da “Nossa Senhora da Boa Viagem”.

Corrida para todos, como gosto. Primeiro as corridas para jovens, depois o (GP), na distância de 10 km, junto do rio que mais me apaixona, o Zêzere.

Triunfos de Rafael Domingos e Joana Correia
Rafael Domingos (Casa Benfica em Abrantes) estreou-se a vencer nesta prova ao destacar-se cedo dos seus mais diretos adversários. Ele demorou 33m18s nos 10 km do percurso, com um terceto a discutir os lugares imediatos. Valdo Neves (U. Tomar) foi segundo a 23 segundos com o seu companheiro de clube, Hélder Ferreira, a fechar o pódio a 28.
Em femininos, Joana Correia (Núcleo Sportinguista de Torres Novas) dominou em 41m15s, com Deonilde Costa (AC Vermoil) a 32 segundos e Vanda Jerónimo (CA Marinha Grande) a 1m48s. Diogo Oliveira foi o último com 1h23m49s.
Mantêm-se assim os recordes do percurso na posse de Delfim Conceição desde 2005 com 29m37s e Marina Bastos desde 2004 com 33m42s. Quem batesse um destes recordes, receberia o aliciante prémio de 750 euros.



Regressado da Maratona de Paris, Luiz Mota correu os 10 km a média de 3:30 levando-o a correr o percurso em 00:35:16h, sendo o 13º da geral, 1º M45.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Maratona de Paris 2017

O tomarense Luís Mota participou na Maratona de Paris, que se realizou no passado domingo, 9, dia em que o atleta comemora 47 anos.


A par da maratona de Nova Iorque, a de Paris é uma das mais famosas maratonas, contando este ano com a participação de 57 mil atletas de 145 nacionalidades.

Os 42 quilómetros da prova levam os atletas a passar pelos monumentos e locais mais emblemáticos de Paris, desde os Champs-Élysées, arco do Triunfo, Bastilha, bosque de Vincennes, margens do rio Sena, entre outros.

O atleta da Casa do Benfica em Abrantes, Luís Mota, concluiu a Maratona de Paris, disputada esta manhã, no tempo de 2h42m09s.

O atleta foi 161º na Geral (27º no escalão V1).