domingo, 21 de novembro de 2010

Grande festa da corrida na povoação de Mendiga – Porto de Mós


Hermano Ferreira, a vencer o 23º GP da Mendiga

Realizou-se hoje em Mendiga, concelho de Porto de Mós, a 23ª Edição do Grande Prémio de Atletismo da localidade.

A prova com 16300 metros teve cerca de meio milhar de participantes, sendo o mais rápido Hermano Ferreira, da Conforlimpa (00.49.04). Em femininos venceu Madalena Carriço do C.S. Marítimo (01.00.40).

A ADR Águas Belas marcou presença com Luís Mota, Marco Franco, José Freitas, Patrícia Ferreira e Susan Mota que levaram o nome do nosso clube a mais um bom evento desportivo.


É bom voltar à Mendiga

 Pinho, Adelino, Mota e Susan

É uma prova especial.

Depois de ter estado duas décadas no futebol, participo na 19ª edição da prova. No regresso a casa pensava no que tinha perdido durante tantos anos.

São cinco as edições consecutivas que levo. As primeiras na companhia do meu grande Amigo Luís Rodrigo, que infelizmente não tem tido possibilidade de correr (foi ele que esculpiu uma a uma as recordações do primeiro meeting, para que pudesse presentear quem viesse a Tomar), depois foi a presença assídua de muitos Amigos da Blogosfera corredora, estando o Pára presente desde que nos conhecemos, na edição anterior foi aqui que conheci também um Amigo por quem tenho elevada estima e que não marcou hoje presença, o Mário Lima.

Depois correm aqui sempre muitos companheiros que encontro com muita regularidade e é sempre uma alegria os rever. Um forte abraço para todos.

Uma manifestação desportiva com esta qualidade deveria ter provas para os mais jovens

As primeiras vezes que corri na Mendiga havia provas para os mais jovens. Uma prova com esta dimensão e com a presença de grandes Atletas do Atletismo nacional, tem aqui uma forma de promover o desporto para todos e simultaneamente “agarrar” os jovens à modalidade, pois serão eles os futuros participantes na prova de 16.300m.

Aproveito para felicitar a organização e todos os voluntários da prova. Para o ano conto voltar a marcar presença.

 

8 comentários:

Carlos Alexandre Lopes disse...

Olá Luis

Como sempre.. um nível invejável. Parabéns pela participação do grupo.

António Almeida disse...

Olá Mota
ainda não foi este ano que fui à Mendiga, um ano será.
Abraço para ti e Susan que já vi que teve uma excelente companhia de corrida na prova de hoje.
Abraço aos 4.

Fernando Andrade. disse...

Parabéns por mais uma, Luis. E obrigado pelas palavras que deixaste no cidadão.
Grande abraço
e parabéns também à Susan.
FA

JOSÉ NARCISO disse...

Olá Luis!!!
Parabéns por mais uma boa prestação na Mendiga!!!
Cumprimentos, e até 05 Dezembro!!!
José Narciso

Vitor Veloso disse...

Olá Luís,
O guerreiro mostra a sua garra, mais uma em grande nível.
Pois, bem que queria ir a mendiga mas estive de serviço.
A susan em grande nível com companhia 5*.
Reencontramos na Maratona de Lisboa.
Boa semana para vocês
Grande abraço e bjs
Vítor e Meninas

José Xavier disse...

Luis Mota;

A familia continua em grande forma.
Claro que a Susan está cada vez mais a fazer as ajudas aos bons tempos do Adelino!! hahah

E tu, claro sempre com bom ritmo.

Continuação de boas provas e bons treinos até Lisboa.

Um abraço para voçês dos Xavier's

Mário Lima disse...

Olá Luis

Para já muito obrigado pela referencia à minha pessoa. Este ano não me foi possível estar em Mendiga por razões várias e entre elas passa pelo facto de neste momento o CCD de Loures estar num impasse o que não é bom nem para o clube nem para os atletas que não sabem que volta é que isto vai dar.

Luís, quando pela primeira vez fui à Mendiga, confesso que nem sabia que existia uma terra com esse nome.

Lembrei-me na altura de uma outra terra que fazia uns brilharetes na organização de uma prova com características aproximadas à da Mendiga, onde participavam grandes nomes do atletismo nacional e o nome deles era escrito no alcatrão no local de partida. Eram os 10 km de Tagarro.

Prova realizada no pico do Verão (Agosto) era uma festa e ao mesmo tempo um "martírio" pela temperatura elevada (tenho uma referência em 1996 de muito calor :) ). De repente desapareceu penso que por falta de verbas para "aliciar" tão grandes atletas.

Mendiga, vai na sua 23ª edição, não sei como eram as edições anteriores, espero que não aconteça em Mendiga aquilo que aconteceu em Tagarro.

Os homens que fazem do desporto (não esquecendo a componente monetária se tiver pernas para isso), um encontro de amigos, de um bom convívio final e fazer desta modalidade um ponto de encontro de todos aqueles que falam a mesma linguagem é o máximo que se pode ter na vida.

Para ti e Susan, que mesmo com a canelite e problemas no joelho, acabou a prova, vai a minha admiração.

Tudo de bom.

Flechinhas disse...

Olá Luís
È o 2.º ano que vamos a Mendiga, tendo de nos deslocar mais de 300 km para cada lado, mas vale bem a pena, tanto pela qualidade da prova como pela paisagem envolvente. Espero um destes dias, também, ter o prazer de o conhecer.
Cumprimentos Desportivos
Duarte Silva